Minas Sustentável

Meio Ambiente, cidades sustentáveis

Minas Gerais forma brigadistas na preparação para o período seco

As unidades de conservação de Minas Gerais ganharam novos agentes capacitados a combater incêndios florestais. Na última semana, 28 pessoas concluíram o treinamento de formação de brigadistas voluntários que atuarão na Região Metropolitana de Belo Horizonte e outros 24 aprenderam sobre o uso de aeronaves no combate ao fogo na região da Serra da Moeda.

No Parque Estadual da Serra do Rola Moça, os técnicos da Diretoria de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais e Enchentes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e do Corpo de Bombeiros Militar ensinaram técnicas de combate ao fogo e comportamento durante os incêndios florestais. Já na Serra da Moeda, os participantes aprenderam, na prática, como se comportar nas ações que exigem uso de aeronaves.

O trabalho faz parte dos esforços de prevenção aos incêndios florestais com a aproximação do período seco do ano, em junho. Os participantes dos treinamentos integram brigadas que atuam nos Parques Estaduais da Serra do Rola Moça e Serra Verde, nas Estações Ecológicas de Fechos e Cercadinho e no Monumento Natural da Serra da Moeda.

Participaram funcionários de empresas, organizações não governamentais e condomínios situadas no entorno das unidades de conservação, além de funcionários do Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema).

Rola Moça

Segundo o gerente do Parque Estadual da Serra do Rola Moça, Marcus Vinícius de Freitas, a capacitação é essencial para que a contenção do fogo seja eficaz. “A melhor forma de enfrentar o incêndio florestal é conseguir agir rapidamente e de forma coordenada, o que só é possível com treinamento”, afirma.

Freitas explica que o planejamento para combate a incêndios florestais na Região Sul de Belo Horizonte inclui três unidades de conservação o que exige mais cuidado na prevenção. “A gestão do Rola Moça, Fechos e Cercadinho feita de forma integrada e, por ocuparem uma área ampla, necessitam de muita atenção”, finaliza.

Anúncios

12/03/2012 - Posted by | Meio Ambiente

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: