Minas Sustentável

Meio Ambiente, cidades sustentáveis

Minas: cidades oferecem melhores condições de vida aos idosos

Cidades mineiras estão entre as que oferecem melhores condições de vida aos idosos, aponta pesquisa

Governo de Minas: combate à violência

Fonte: Agência Minas

Levantamento foi publicado pela revista Exame da última semana; políticas públicas do Governo de Minas Gerais contribuem para o bom desempenho dos municípios do Estado

A última edição da revista Exame, publicada nesta semana, traz a relação das cidades brasileiras que oferecem as melhores condições de vida aos idosos. Dentre as 20 mais bem posicionadas na lista, cinco são de Minas Gerais. São elas: Poços de Caldas (6ª), Belo Horizonte (9ª), Juiz de Fora (14ª), Divinópolis (15ª) e Uberaba (19ª). Para se chegar ao resultado, o estudo analisou o acesso dos idosos aos serviços de saúde, às atividades de esporte e lazer, às medidas protetivas e aos instrumentos culturais, entre outros aspectos.

Com expectativa média de vida de 73,3 anos, o bom desempenho das cidades mineiras espelha a eficiência das políticas públicas, que asseguram aos 2,6 milhões de idosos – segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – o direito à saúde, à cidadania, à liberdade e à dignidade.

Direito à saúde e à convivência familiar

Dentre algumas ações realizadas pelo Governo de Minas para melhorar a qualidade de vida da população da terceira idade, os 13 centros Mais Vida, espalhados por todas as regiões do Estado, se destacam ao oferecer atenção especializada à saúde da população idosa considerada frágil ou de risco. A intenção é de assegurar a continuidade da vida junto à família com independência e autonomia, por meio de intervenções precoces e a identificação de situações de vulnerabilidade.

“Temos o propósito de promover a longevidade da população, com a finalidade de conseguir uma máxima expectativa de vida ativa”, ressalta a coordenadora de Atenção ao Idoso da Secretaria de Estado de Saúde, Eliane Bandeira.

Em 2012, os centros atenderam 18.576 idosos e realizaram 242.538 procedimentos. Até julho deste ano – data do último levantamento – já tinham sido atendidos 10.573 pessoas e feitos 135.085 procedimentos. “Também temos o objetivo de reduzir a frequência de quadros agudos e o número de internações hospitalares de idosos. Reduzir a internação de idosos por fratura de fêmur. Com isso, contribuir para tornar Minas Gerais o Estado para se viver mais e melhor”, acrescenta Eliane.

Corpo em movimento

Por meio dos projetos Academia ao Ar Livre, Ginástica para Todos e Saúde na Praça o Governo de Minas também oferece à população idosa – bem como a todos os mineiros –  a possibilidade de praticar atividades esportivas em espaços públicos. As iniciativas visam combater o sedentarismo e incorporar atividades físicas à vida das pessoas.

Segundo os idealizadores do projeto, no entanto, os aparelhos atraem mais os idosos por permitem trabalhar a força e a mobilidade sem desgastar a estrutura muscular. “Sabe-se que estes equipamentos são frequentados mais por pessoas adultas ou idosas por proporcionarem baixa resistência e, com isso, baixo risco de lesão”, esclarece o subsecretário de Estado de Esportes, Adenilson Sousa.

Ao todo, cerca de 300 cidades do Estado já foram beneficiadas com a instalação de mais de 500 conjuntos de aparelhos de ginástica corporal. “As iniciativas também potencializam a prática de atividade física, pois, muitas vezes, nos locais onde são instalados os equipamentos, aumenta-se o número de pessoas praticando caminhadas e corridas, por exemplo, revitalizando o espaço e promovendo uma melhoria na vida social destes praticantes”, completa o subsecretário.

Medidas protetivas

Criada em 2012, a campanha Rompendo o Silêncio, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese) tem a intenção de sensibilizar, incentivar e combater qualquer violação de direitos e a violência contra a pessoa idosa. Neste ano (2013), o foco da campanha é o combate à violência intrafamiliar. Cartazes da campanha foram afixados em postos de saúde, rodoviárias, escolas, hospitais e espaços públicos em geral com o objetivo de incentivar a população a fazer a denúncia. Exemplares do Estatuto do Idoso também foram distribuídos.

“Trabalhamos para ampliar e fortalecer as ações destinadas aos idosos. Disponibilizamos vários serviços, além de contar com campanhas permanentes e outros programas voltados à promoção, proteção e restauração dos direitos humanos”, destaca o secretário de Estado de Desenvolvimento SocialCássio Soares.

Outra ação vinculada à Sedese é o Disque Direitos Humanos (0800 031 11 19). Os crimes contra as pessoas idosas estão em segundo lugar entre os mais denunciados via o serviço telefônico oferecido pela secretaria, que busca receber, encaminhar e monitorar qualquer tipo de denúncia de violação de direitos humanos. De acordo com o balanço, em 2012, das 1.192 manifestações de crimes contra idosos recebidas, 63,8% corresponderam a maus-tratos familiares. De janeiro a outubro deste ano, das 1.220 denúncias envolvendo idosos, 63,1% estavam relacionados ao mesmo tema.

Criado em 2000, o serviço já recebeu cerca de 70 mil denúncias em todo o Estado de Minas Gerais. A central de atendimento conta com uma equipe multidisciplinar, coordenada por técnicos capacitados em direitos humanos. A ligação é gratuita, sigilosa e o serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 22h.

Acesso à cultura

Outro objetivo do Governo de Minas é o acesso dos idosos às atividades culturais. Todos os prédios que compõem o Circuito Cultural da Praça da Liberdade, em Belo Horizonte, por exemplo, possuem equipamentos, como elevadores, que possibilitam o acesso dos idosos. Atualmente, o circuito engloba o Arquivo Público Mineiro, Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa, Centro de Arte Popular – Cemig, Centro Cultural Banco do Brasil, Espaço do Conhecimento UFMG, Memorial Minas Gerais Vale, Museu das Minas e do Metal, Museu Mineiro e Palácio da Liberdade.

Anúncios

20/11/2013 - Posted by | Política | , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: