Minas Sustentável

Meio Ambiente, cidades sustentáveis

Eleições 2014: pesquisas mostram crescimento de Aécio Neves

Aécio: “A pesquisa aponta na direção daquilo que já estamos percebendo. A nossa candidatura cresce em praticamente todas as regiões.”

Eleições 2014

Fonte: Jogo do Poder

Aécio segue crescendo com a Onda da Razão, mostra pesquisa

O candidato à Presidência da República pela Coligação Muda Brasil, Aécio Neves, afirmou, nessa sexta-feira (19/09), que a pesquisa Datafolha confirma a chegada da Onda da Razão. Para ele, os eleitores estão mais atentos às propostas dos candidatos nas três últimas semanas de campanha, o que o levará para o segundo turno da disputa presidencial.

“A pesquisa aponta na direção daquilo que já estamos percebendo em todo o Brasil. A nossa candidatura cresce em praticamente todas as regiões e já temos, a partir das avaliações internas que fazemos, sinais maiores do que as pesquisas demonstram”, disse Aécio.

Aécio destacou que sua candidatura é a única em condições de derrotar a candidata do PTDilma Rousseff, e conduzir um governo que fortaleça a economia e melhore os índices sociais dos brasileiros.

“Chegarei ao segundo turno porque a minha candidatura, e a própria pesquisa divulgada sinaliza nessa direção, é aquela que vencerá o PT no segundo turno. A minha candidatura é a que permitirá o fim desse ciclo perverso de governo do PT que fracassou na condução da economia, fracassou na melhoria dos nossos indicadores sociais e pode colocar no lugar um governo que funcione”, afirmou.

Pesquisa

Aécio subiu dois pontos percentuais, chegando a 17%, diminuindo a diferença para as demais candidatas no primeiro turno. Na análise da segunda rodada de votação, Aécio avançou e chegou a 39%, enquanto Dilma manteve-se estacionada.

O Datafolha reforça o quadro apresentado pelo Ibope na terça-feira (16/09), em que Aécio foi o único presidenciável que subiu em todos os cenários. O Datafolha ouviu 5.340 pessoas entre os dias 17 e 18 de setembro. A margem de erro do levantamento é de dois pontos porcentuais.

Dilma e Marina rejeitadas

De acordo com o levantamento divulgado pelo jornal Folha de S.Paulo nesta sexta-feira (19/9), Aécio tem a menor rejeição entre os principais presidenciáveis. A atual presidente lidera a rejeição, seguida da candidata Marina Silva.

23/09/2014 Posted by | Política | , , , , , , , | Deixe um comentário

Pimentel se ausenta de debate promovido pela RedeTV

Pimenta da Veiga: “Estão circulando muitas denúncias contra ele (Pimentel). Não sei se está tentando se defender das denúncias”.

Eleições Minas Gerais

Fonte: Pimenta 45

Em debate na RedeTV, Pimenta da Veiga comprova que é o melhor para governar Minas Gerais

Pimenta questiona se ausência de candidato petista foi motivada pelas denúncias que fazem de Pimentel réu em cinco ações por corrupção

O candidato a governador pela Coligação Todos por MinasPimenta da Veiga, foi o grande vencedor do debate promovido na noite deste domingo (21/09) pela RedeTV em parceria com o portal iG. Pimenta demonstrou que é o candidato mais capacitado para governar o Estado – com foco no desenvolvimento socioeconômico de Minas e em melhorias na qualidade de vida do cidadão mineiro – e para ampliar os avanços conquistados nos últimos anos.

Pimenta da Veiga lamentou a ausência do candidato do PTFernando Pimentel, afirmando que o debate democrático é de fundamental importância para esclarecer o eleitor sobre as propostas de cada candidatura. “Estão circulando muitas denúncias contra ele. Não sei se está tentando se defender das denúncias. Vamos ver se ele vai participar de algum ato público amanhã (segunda-feira). Se participar, é sinal de que estava com receio de comparecer a este debate”, desafiou Pimenta.

A edição deste fim de semana da revista “Isto É” mostrou que o petista é acusado de desviar R$ 5 milhões dos cofres da Prefeitura de Belo Horizonte, em 2004, quando foi prefeito. Além disso, segundo o Portal Transparência Brasil, Pimentel é um dos candidatos a cargo majoritário com o maior número de ações judiciais no país. Ele é réu em cinco processos na Justiça por corrupção no exercício de função pública. A tribuna que seria usada por Fernando Pimentel permaneceu vazia, no palco, durante todo o evento.

O debate foi marcado pelo bom desempenho de Pimenta da Veiga. Ele reafirmou seus compromissos com as áreas consideradas prioritárias – infraestrutura, saúde, educação e segurança. Pimenta lembrou que o ensino fundamental de Minas é o melhor do país, segundo o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), elaborado e divulgado pelo Ministério da Educação. Destacou ainda que Minas é o Estado que mais investe em segurança pública, proporcionalmente ao orçamento. Nos últimos anos, foram investidos R$ 43 bilhões na segurança dos mineiros. O candidato também lembrou que o próprio Ministério da Saúde atestou que Minas possui o melhor sistema de saúde pública da região Sudeste.

Em suas considerações finais, Pimenta afirmou que no dia 5 de outubro o eleitor terá que se decidir entre dois modelos de governo: “Ou nós vamos continuar em Minas a transformação iniciada há 12 anos, em que não se apontou um escândalo. Fizemos um governo austero e que fez muito, asfaltou milhares de quilômetros, cuidou bem da saúde, da educação, da segurança pública, e o jeito PT de governar, este que é um escândalo atrás do outro. Agora até os índices do IBGE estão sendo modificados. É grave, é muito grave”.

O debate foi apresentado pela jornalista Amanda Klein e contou com a participação dos jornalistas Rodrigo Cabral, Rodrigo de Almeida e Carla Kreefft.Realizado no Hotel Ouro Minas, em Belo Horizonte, o evento foi acompanhado ao vivo pela TV e internet.

23/09/2014 Posted by |  ELEIÇÕES 2014,  GOVERNO DE MINAS,  SAÚDE, CORRUPÇÃO | , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Pimenta garante conclusão de hospitais regionais

O tucano afirmou que, se eleito, vai finalizar obras para implantação de hospitais do Governo de Minas na Zona da Mata.

Eleições 2014

Fonte: Estado de Minas

Pimenta promete hospitais

Candidato do PSDB pretende ampliar rede no interior de Minas para facilitar acesso à saúde

O candidato do PSDB ao governo de MinasPimenta da Veiga, prometeu ontem investimentos na área da saúde durante campanha em Manhuaçu, na Zona da Mata. O tucano afirmou que, se eleito, vai finalizar obras para implantação de hospitais que já foram iniciadas pelo Executivo estadual  ou que estejam em fase de projeto. Na área de segurança, Pimenta disse que pretende aumentar o policiamento em Minas Gerais. “Para deixar claro que nós não convivemos com a bandidagem”, disse. O candidato esteve na cidade para uma caminhada e carreata, acompanhado do candidato do PSDB ao Senado, Antonio Anastasia, entre outros  aliados.

Segundo Pimenta da Veiga, o objetivo dos investimentos em saúde é evitar que pacientes do interior de Minas Gerais tenham que viajar à capital para fazer tratamentos. “Nós vamos concluir todos os hospitais iniciados. Não apenas os que estão com obras em andamento. Até agora, já estão prontos os hospitais de Pirapora, de Uberaba e de Uberlândia. E outros continuam  em obras, como os de Governador ValadaresTeófilo Otoni, Sete Lagoas, Divinópolis e Juiz de Fora. Nós vamos concluir todos esses, e aqueles que estão ainda em fase de projeto, nós vamos também iniciar a obra e conclui-la. E mais do que isso: nós vamos equipar os hospitais e colocá-los em funcionamento de maneira que nenhum mineiro precise viajar a Belo Horizonte para se tratar, todos possam resolver os problemas de saúde que tenham na sua região, sejam de baixa complexidade, de média ou de alta complexidade”.

Entre os hospitais em que pretende investir, Pimenta da Veiga citou também de Manhuaçu, destacando a importância dele para região. “É fundamental que a saúde aqui esteja no nível de outras cidades próximas e, sobretudo, que (a rede hospitalar) possa atender os pequenos municípios que gravitam em torno de Manhuaçu com um serviço de boa qualidade”, afirmou. O candidato prometeu também fazer o contorno viário da cidade. “É uma antiga reivindicação. Isso está no nosso plano de governo”.

Segurança Ao falar sobre segurança, Pimenta disse que o “governo do PT não toma conta das fronteiras e deixa entrar drogas e armas (no país)”, refirindo-se  à administração da presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição. “Mas nós aqui em Minas temos um programa muito vigoroso com a Polícia Militar e a Polícia Civil, e no meu governo eu pretendo aumentar o policiamento ostensivo, para deixar claro que nós não convivemos com a bandidagem. Então, nós vamos ter mais policiamento ostensivo para que o cidadão se sinta mais seguro e o bandido fique com medo”, afirmou o tucano.

23/09/2014 Posted by | ELEIÇÕES 2014, Governo de Minas, SAÚDE | , , , , , , , | Deixe um comentário